Modelo de trabalho híbrido: os grandes desafios da comunicação

Modelo de trabalho híbrido: os grandes desafios da comunicação

Atualmente, assistimos a um regresso dos colaboradores aos escritórios depois de um período de trabalho remoto derivado do contexto pandémico que enfrentámos. Todavia, muitos colaboradores pretendem manter a flexibilidade e a comodidade do trabalho remoto, o que levou à aposta por parte de algumas empresas num modelo de trabalho híbrido. Um estudo elaborado pela CEGOC, empresa de serviços de recursos humanos, tentou perceber quais os principais desafios que as empresas enfrentam num modelo de comunicação híbrido.

Ao longo deste artigo iremos explorar a comunicação num modelo de trabalho hibrido, assim como, fornecer algumas dicas que permitem uma gestão sustentável e adaptada da comunicação às especificidades de um novo modelo de trabalho.

A comunicação num modelo de trabalho híbrido
A implementação de um modelo de trabalho híbrido acarretou um novo conjunto de desafios para os grupos de trabalho, uma vez que estas se encontram a trabalhar dispersas por vários locais. A comunicação constitui um dos principais desafios de um modelo de trabalho híbrido já que, por um lado, temos um excesso de comunicação difundida por múltiplos canais o que se traduz numa sobrecarga de informação e, por outro lado, assistimos a uma ausência de linguagem corporal física e verbal, que por sua vez pode originar interpretações erradas ou situações de conflito.

Deste modo, os líderes das empresas devem conceptualizar uma estratégia de comunicação adequada às condicionantes e especificidades inerentes a um contexto de modelo de trabalho híbrido. Na estratégia de comunicação, os líderes das empresas devem priorizar uma comunicação concreta e fundamentada, de modo a transmitir aos colaboradores a informação pretendida, sem deturpações ou informações contraditórias. A tipologia de estratégia a adotar deve ter por base as caraterísticas do grupo de trabalho.

“Comunicação eficaz num mundo híbrido – cinco grandes desafios de comunicação e como superá-los”
Este estudo elaborado pela empresa CEGOC, permitiu identificar os maiores desafios de comunicação enfrentados pelos líderes das empresas aquando da transição para um modelo de trabalho híbrido. Além disto, o presente estudo também fornece algumas dicas que permitem às empresas lidarem de uma forma positiva com a aposta num modelo de trabalho híbrido. A CEGOC, é uma empresa de serviços de recursos humanos, fundada em França no ano de 1926. Esta empresa é líder na transformação do desenvolvimento das pessoas nas organizações, dedicando-se ao desenvolvimento de soluções de aprendizagem que permitam a Transferência do Saber para o Fazer.

Comunicar com clareza
No universo dos inquiridos no estudo, cerca de 40% consideram que é importante comunicar com clareza particularmente num modelo de trabalho à distância. Quando a comunicação não é concreta e clara, podem ocorrem conflitos e interpretações erradas, as quais podem conduzir a atrasos no projeto, a custos acrescidos, a problemas de desmotivação e a clientes insatisfeitos.

Apresentar de ideias em contextos de trabalho online
Um dos grandes desafios de um modelo de trabalho hibrido prende-se com tornar as apresentações de ideias e reuniões online dinâmicas e interessantes de modo a que o público-alvo se mantenha envolvido e interativo.

Escrever de uma forma acessível e objetiva
Num modelo de trabalho híbrido, a atividade profissional dos colaboradores em trabalho remoto depende em grande medida de textos e e-mails para comunicar à distância. Deste modo, é preponderante que os grupos de trabalho ostentem fortes competências de escrita, nomeadamente no que respeita às palavras e a forma como estas são utilizadas.

Manter os colaboradores e os clientes envolvidos
Na esfera do estudo, cerca de metade dos inquiridos salientou que a motivação e a união dos colaboradores constituem alguns dos maiores desafios de um modelo de trabalho híbrido. Além disto, 80% dos inquiridos considerou que a comunicação num modelo de trabalho hibrido é extremamente fria e funcional, algo que não é positivo para a coesão do grupo de trabalho.

Gerir as comunicações num modelo de trabalho híbrido
A gestão dos elementos de um grupo de trabalho remoto apresenta um conjunto de dificuldades, uma vez que exige uma comunicação mais regular e de formas diferenciadas. Este é um equilíbrio difícil de alcançar por parte dos líderes das empresas, na medida em que, se estes comunicam demasiado com os seus colaboradores, estes tendem a ficar sobrecarregados de informação, contudo, se comunicam em menor quantidade, os colaboradores podem ficar confusos e desmotivados.

Patrícia Neves

Partilhar

2022-06-28T11:05:22+00:00
Go to Top