Elaboração de um plano de negócios: a garantia de sucesso para o seu negócio

O sucesso ou fracasso de um negócio, pode ter início com a constituição de um plano de negócios, o qual deve ser concreto e fundamentado. Um plano de negócios que funcione como garantia de sucesso deve conter todos os aspetos preponderantes para a implementação positiva de um negócio. Geralmente, quando surge a ideia de implementar um negócio, a etapa de gestão referente à elaboração de um plano de negócios não é realizada, o que funciona como um elemento que condena o negócio ao fracasso, ainda antes do seu início.

O que é um Plano de Negócios?

Um plano de negócios consiste num documento essencial para a estruturação e defesa de uma nova ideia de negócios. Este plano deve conter as linhas essenciais do projeto e como irá decorrer a alocação das várias tipologias de recursos, assim como, a concretização da ideia que se pretende implementar e as soluções para os problemas que inevitavelmente surgirão durante o processo de desenvolvimento empresarial.

Estrutura de um Plano de Negócios

A estrutura de um plano de negócios pode ser realizada de várias formas, contudo é possível definir uma estrutura base, composta pelas seguintes etapas:

• Sumário executivo
O Sumário executivo deve resumir num máximo de 500 palavras todo o projeto de negócios, que será mais detalhado nos restantes capítulos do plano de negócios. Este segmento do plano de negócios deverá conter uma linguagem clara e concreta, na medida em que, será a primeira coisa que os potenciais investidores irão ler.

• Histórico da ideia e/ou dos promotores
Neste contexto do plano de negócios, serão abordados os tópicos referentes ao surgimento da ideia que originou o projeto e a forma como será introduzida na empresa. A forma como a experiência dos empresários irá contribuir para o sucesso da ideia inerente à elaboração do plano de negócios também constituí um elemento a ter em conta nesta etapa do plano empresarial.

• Mercado subjacente
A análise do mercado subjacente integra a definição do mercado para o novo produto, tendo por base a dimensão, estádio de desenvolvimento, tipos de clientes e de consumidores. A definição dos elementos apresentados representa um constituinte primordial para uma tomada de decisão sustentada relativamente ao mercado onde possivelmente se integrará o novo produto.

• Nova ideia e respetivo posicionamento no mercado
Este segmento do plano de negócios integra uma apresentação sumária da ideia proposta e dos executivos que pretendem realizar a candidatura ao financiamento. O objetivo deste elemento consiste em dar confiança aos potenciais financiadores, fazendo-os crer que este é um negócio financeiramente sustentável e que os executivos ostentam as qualificações empresariais e de gestão necessárias para a implementação da ideia.

• Projeto/ Produto/ Ideia
Esta seção do plano de negócios deve descrever de forma concreta e completa o estado de desenvolvimento do projeto, procedendo à primazia dos principais objetivos já atingidos. Deverá ser dada principal relevância ao produto/serviço, incluindo temáticas como patentes ou licenças, bem como uma descrição exata do processo produtivo. As atividades inerentes ao lançamento do produto devem ser descritas de uma forma pormenorizada, contendo todas as ações necessárias para a sua realização.

• Estratégia comercial
A estratégia comercial consiste na definição de uma proposta única de valor, de modo a decidir a forma mais positiva de colocar o produto no mercado. A primeira etapa da elaboração da estratégia comercial prende-se com o estabelecimento de um preço para o produto, tendo por base o valor acrescentado que este representará para os consumidores.

• Gestão e controlo do negócio
Um dos objetivos mais importantes da elaboração de um plano de negócios consiste em demonstrar aos potenciais financiadores que o controlo do negócio está assegurado desde o seu início.

• Investimento necessário
Após a apresentação de todos os segmentos integrantes do plano de negócios, contendo toda a informação relevante e fundamental da ideia proposta, estão reunidas as condições para que os potenciais financiadores possam decidir de uma forma sustentada. Contudo, é comum recorrer a aconselhamento referente a potenciais estruturas de financiamento.

• Projeções financeiras/ Modelo financeiro
As projeções financeiras fundamentais, referentes a vendas, projeções de cash-flow e rentabilidade constituem o último elemento vital para a determinação da viabilidade e atratividade da ideia de negócio para parceiros e potenciais financiadores.

Vantagens da elaboração de um Plano de Negócios

A elaboração de um plano de negócios apresenta um conjunto de benefícios aquando da decisão da abertura de uma empresa, ou do início de um negócio, representando um elemento importante que garante o sucesso ou fracasso das diferentes tipologias empresariais. Algumas das vantagens inerentes à elaboração de um plano de negócios são:

• Definir com clareza todas as ideias do negócio;
• Analisar as oportunidades inerentes à realização da ideia proposta;
• Evidenciar os pontos fortes e fracos, diminuindo o risco do surgimento de fracassos e desperdícios;
• Apresentar a empresa aos fornecedores e clientes, funcionando como elemento facilitador do processo de negociação;
• Análise dos elementos financeiros;
• Previsão do surgimento de situações passíveis de ameaçarem a sustentabilidade do negócio;
• Análise das funções dos demais sócios;
• Definir o planeamento e os custos inerentes às atividades de marketing;
• Orientar o empreendedor no planeamento estratégico, importante para um desenvolvimento empresarial sustentado;
• Auxiliar o empresário aquando da tomada de decisão, na medida em que, contém todas as informações relevantes para que esta decorra de forma assertiva;
• Aumentar as oportunidades de sucesso de negócio, pois estão previstas todas as situações, assim como, a análise dos vários contextos.

A elaboração de um plano de negócios, constitui a base do sucesso de uma empresa ou negócio, pois prevê todas as situações e contém todas as informações fundamentais para a implementação positiva de um negócio e a sua consequente sustentabilidade futura. Quem ambiciona iniciar um negócio, deve começar por colocar todas as ideias em formato de plano.

A não realização deste processo no âmbito da gestão dos negócios representa um elemento de grande ameaça à sustentabilidade de um negócio, contribuindo para que na grande maioria das vezes, os negócios encerrem a sua atividade produtiva pouco tempo após o seu início.

Patrícia Neves

Partilhar

2021-09-08T14:45:12+00:00
Go to Top